A escolha da tesoura certa

img-dest-escolha-a-tesoura-certa

AS FUNÇÕES DE CADA TIPO DE TESOURA

O primeiro passo na hora de cortar o cabelo é escolher a ferramenta ideal para o tipo de fio da cliente e o efeito que ela deseja. Existem tesouras de diversos modelos, a escolha certa é fundamental na bancada de um cabeleireiro, mas ainda existem dúvidas sobre o uso de ambas. Pensando nisso, nosso técnico Wendey Belizário vai esclarecer os principais questionamentos sobre o tema. Confira!

As tesouras usadas pelos cabeleireiros no salão de beleza têm diversas versões para estilizar o cabelo em cortes diferentes. Versões que repicam, tiram volume ou dão estilo reto às madeixas e todo bom profissional deve ter um kit básico de no mínimo 3 tesouras.

Para mudar o visual e deixar sua cliente com corte dos sonhos, você vai precisar da tesoura certa. Seja para aparar apenas as pontas ou para uma transformação radical, a tesoura é essencial na mudança porque ajuda a definir as madeixas e deixar os fios com o caimento ideal para o tipo de fio e rosto da sua cliente.

TESOURA DENTADA, NAVALHA E FIO LASER: PARA QUE SERVE CADA MODELO?

tesouras1Os três tipos de tesoura que o profissional deve ter: dentada, navalha e fio laser. A fio laser tem seu nome por ser certeira na hora do corte e é a mais conhecida, porque parece com a tesoura caseira de hastes retas. A fio laser é para cortes de precisão, que precisam ficar impecáveis, como os cortes retos.

As do tipo navalha, são as mais afiadas, usadas para desfiar, fazer repicados nos cabelos e podem ter potências diferentes de acordo com a lâmina, realizando desfiados mais intensos, deve se tomar cuidado com esta tesoura por cortar muito, devemos utilizá-las com mão leve e precisa.

A tesoura dentada realiza um acabamento harmônico, sem deixar a aparência reta do fio laser. Pode ser usada tanto por homens como por mulheres, vai depender da quantidade de dentes da ferramenta. As tesouras com mais dentes são aconselhadas para quem tem cabelos curtos porque distribuem melhor o corte e fazem aquele acabamento batido.

Os três tipos principais de tesoura podem ser usados em um mesmo corte, um para a estilização e outro para o acabamento, ou mesmo para áreas diferentes do cabelo, como uma franja reta com a extensão dos fios repicados.

Além dessas variações, é possível encontrar também no mercado a tesoura térmica, que corta com uma lâmina aquecida entre 110°C e 150°C, o que sela as pontas das madeixas e promete manter o estilo por mais tempo. Outras têm modelos diferentes, como a versão com encaixe giratório para os dedos, o que facilita o manuseio durante o corte. Escolher corretamente a tesoura é primordial para que o corte tenha o efeito desejado pela cliente.

LASER X NAVALHA X DENTADA

Laser: usada para se obter maior precisão nos cortes. Exemplo: cortes curtos masculinos e qualquer corte feminino que não existe a intenção de se desfiar.

Navalha: usada após o corte de precisão para dar leveza e desfiar mechas. Alguns profissionais realizam o corte de base já com a navalha.

Dentada: usada para criar leveza, aumentar o efeito de camada nas pontas. É ótima opção para cabelos processados quimicamente quando se deseja proporcionar leveza e eliminar o efeito reto.

RESTRIÇÕES PARA A NAVALHA

Os cabelos processados quimicamente, alisamento, escovas de alisamento progressivo com formol e etc não devem ser desfiados com a navalha. O modelo aumenta o efeito poroso e desgastado das pontas, resultando na necessidade periódica de renovação da parte final dos fios. A tesoura dentada é a melhor opção para esses cabelos, sendo usada após o corte de base com a laser.

AS VARIAÇÕES DA TESOURA DENTADA

A tesoura dentada possui vários modelos e pode criar efeitos variados no cabelo da cliente. Em qualquer corte feminino, a tesoura dentada deve ser utilizada abaixo do meio do fio ou nas pontas. Por exemplo, é uma grande ilusão utilizar essa tesoura para retirar volume de cabelos ondulados ou cacheados na raiz. A tendência deste procedimento é criar mais volume na raiz, uma vez que os fios curtos, quando começam a crescer, tendem a empurrar os maiores, além de tornarem o comprimento e pontas mais ralo. Volume só se tira com procedimentos químicos de relaxamento ou progressivas.

Tesoura dentada com espaçamento pequeno entre os dentes: Para cortes masculinos, quando se deseja um melhor acabamento do efeito batido.

Tesoura dentada com espaçamento maior entre os dentes: Para cortes de cabelos médios a longos, em camadas, ou para tirar volume das pontas muito cheias de cortes como o Chanel.

Depois destes esclarecimentos ficou fácil escolher suas tesouras e arrasar nos cortes.

Gostou das dicas? Então não deixe de compartilhar nas suas redes sociais! Acompanhe o site da Minasflor Professional para mais dicas sobre cabelos e curta nossa fan page no Facebook clicando AQUI!

Wendey Belizário

Deixe uma resposta